Ilustrações

Maomé ou Cristo

Maomé ou Cristo
Wilson Lemos
Escrito por Wilson Lemos

Conta Margarida White Eggleston, em seu livro Seventy-five Stories for the Worship Hour (Editora Harper & Brothers), a seguinte história:

Dentre o grande número de refugiados que um dia chegaram a um campo de socorro americano, havia uma menina com grandes olhos negros que refletiam uma dor aguda e seu corpo parecia não ser capaz de suportar o esforço de esperar pelo médico.

De quando em quando colocava a mão ao pescoço ou ao ombro, sem porém dizer nenhuma palavra de queixa.

Afinal alguém, percebendo quanto ela sofria, perguntou:

– Você não quer reclinar-se aqui ao meu ombro, para descansar um pouco? Sou forte, e terei prazer em ajudá-la.

– Não, – respondeu a menina – não posso encostar-me. Tenho que ficar ereta até que melhore.

– Tem algum ferimento? – perguntou a nova amiga.

– Estou levando à cruz – disse a jovem – trago no corpo a cruz de Jesus Cristo. Agora sei quanto Ele sofreu.

Justamente nesse instante aproximou-se uma enfermeira, e, vendo quanto ela precisava de cuidados, inclinou-se para ajudá-la.

– Espere um momento! – disse a menina. – Devo mostrar-lhe algo primeiro. A senhora vai ver…

Então, descendo dos ombros a blusa, folgada e suja, mostrou aos circunstantes uma cruz que lhe havia sido gravada no ombro, com ferro em brasa. O ombro ardia em febre, inchado e infeccionado.

– Dia-a-dia – continuou ela, lentamente – eles avivavam essa cruz. Perguntavam-me cada dia: “Cristo ou Maomé? Cristo ou Maomé?” Quando eu dizia: “Cristo”, traziam o ferro em brasa e davam-me a cruz de Cristo.

Pensei que havia de morrer com Cristo e por Ele, mas vieram os americanos e me salvaram da morte. Eu trago a cruz. Enquanto eu viver levarei a cruz de Cristo. Algum dia ficarei satisfeita!

Amorosamente levaram-na ao hospital e ligaram as cruéis feridas que lhe haviam sido infligidas por ter sido fiel a seu Senhor. Ficaram impressionados com sua coragem e bravura. Ansiosamente aguardavam seu restabelecimento, a fim de virem a familiarizar-se mais com a menina armênia “Portadora da Cruz.”

Sobre o autor

Wilson Lemos

Wilson Lemos

Meu nome e Wilson lemos,
sou evangelista formado em bacharel em teologia pelo instituto de teologia
SETAD.

Sou casado e tenho por missão ajudar você a crescer espiritualmente em conhecimento.

Deixe um comentário